D'Arthy Gráfica

Dicas para garantir uma impressão de qualidade

Dicas para garantir uma impressão de qualidade

Uma peça gráfica de qualidade sempre é bem vista por quem a recebe. É facilmente visível a atenção que foi concedida ao processo de produção, isto aparece em cada detalhe e faz uma grande diferença. 

Uma boa impressão depende de uma série de fatores para obtermos aquele resultado que estamos buscando. Mas, como garantir que tudo sairá como o planejado? 

Pensando nisso, separamos alguns itens aos quais você deve prestar atenção na hora de montar o seu material para garantir uma impressão de qualidade.

Escala de cores

A primeira dica é a mais básica de todas. Os processos de impressão utilizam o sistema CMYK. A diferença é que o RGB tem uma gama de cores muito maior do que a utilizada normalmente, por isso é muito importante observar em qual deles o arquivo foi exportado antes de mandar para a gráfica.

Às vezes, conseguimos alcançar uma cor perfeita na tela do computador e no final, a impressão sai diferente. 

Tons de preto

Quando aplicada de forma incorreta, a cor preta pode trazer problemas na hora de imprimir, principalmente porque ela não é capaz de dar uma boa cobertura no papel. Se for colocar textos, linhas finas e pequenos elementos na cor, o ideal é sempre calçar o preto com 30% de ciano. 

Qualidade das imagens

Em qualquer peça que você esteja criando, garanta que está utilizando apenas fotos em alta definição, pois em baixa podem acabar “embaçadas” ou pixeladas e arruinar seu material. 

Para garantir a melhor imagem, procure com o tamanho de 300 DPI. Se for extremamente necessário baixar uma da internet, faça o seguinte: importe o arquivo da internet para o seu software de edição e reduza para 24% do tamanho original.

Fontes 

Busque sempre utilizar fontes que tenham variações em negrito e itálico em suas famílias tipográficas. Evite fazer as mudanças manualmente porque o PDF não entende e, na hora de fechar o arquivo, não vão aparecer. 

Não esqueça, também, de convertê-las em curvas. Assim você garante a correta reprodução dos textos mesmo após os ajustes de pré-impressão. Além disso, jamais utilize a fonte em um tamanho menor do que 7 pontos. 

Sangria e margem de segurança

Para ter o formato necessário, você precisa preparar o arquivo final de forma que todas as informações que tenham contato com o limite da página sejam prolongadas, ultrapassando o mínimo de 2,5mm da marca de corte (borda).

Quaisquer outros itens do layout que você não desejar cortar devem respeitar a margem interna da página de, no mínimo, 5mm.

Formato do arquivo

É comum que as peças gráficas sejam criadas em softwares de edição de imagens como Photoshop, Illustrator e CorelDraw. Então, na hora de finalizar seu projeto, exporte no formato PDF, assim terá os melhores resultados.

Tenha o cuidado, também, de fechar o arquivo na qualidade de 300 DPI, que é o ideal para impressão. 


Quer garantir mais qualidade nas suas impressões? Fale com D’Arthy! Além de qualidade, aqui você conta com atendimento especializado, agilidade e cumprimento de prazos. Entre em contato hoje mesmo:  (11) 4446-4600 / darthy@darthy.com.br.

Deixe um comentário